A arquitetura de Buenos Aires

Estou me repetindo falando sempre de Buenos Aires? Talvez. Mas é que todo dia penso que queria muito estar por lá, e me animo pela provável visita que farei à cidade no ano que vem (sei que havia dito que seria no fim desse ano, mas adiamos um pouquinho), e aí me dá vontade de escrever sobre a cidade pra vocês.

Mas, antes de mostrar pra vocês minha visão sobre a cidade, quero indicar alguns blogs que gosto muito e que fizeram posts deliciosos sobre essa cidade que mora em meu coração – e tem um espaço maior que qualquer outra.

  • Uma garota Carioca: a Clá é minha amiga e visitou a cidade no ano passado com o namorado dela, o Guilherme, que é amigo do meu marido. Eles foram em vários lugares interessantes e bonitos e ela fez vários posts sobre a cidade, que super valem a pena serem lidos. De dicas de lugares bem turísticos a fotos lindas que ela tirou por lá, tem de tudo.
  • Algumas observações: foi por causa da Fernanda que minha vontade de voltar à cidade reapareceu. Ela esteve lá no mês passado e, como dá pra perceber pelas fotos de seu instagram, se divertiu muito! Até agora, ela só fez uma postagem sobre a viagem, mas tenho certeza de que não pararão por aí.
  • OhPera Blog: descobri o OhPera há pouquíssimo tempo (exatamente quando procurava oportunidades de estudo em Buenos Aires) e me apaixonei. Além do nome do blog ser genial, o jeito que a Myrella escreve é muito gostoso de ler, as fotos são lindas (ela é designer e diretora de arte, não tinha como ser um blog visualmente feio), e ela tem muuuuuuuuita informação legal sobre Buenos Aires. Como já morou na cidade, tem dicas que saem do lugar-comum e que são ótimas principalmente pra quem já visitou a cidade (como eu) ou pra quem gosta de roteiros que fogem dos lugares turísticos (tem até um post sobre sites que ela gosta que falam sobre Buenos Aires). Tem muita informação também pra quem quer estudar por lá, seja fazendo cursos surtinhos ou mais longos. Adorei!
  • My Villa Crespo: Esse blog é TODO dedicado à cidade de Buenos Aires. A dona do blog, a Mariana, é uma brasileira que mora na cidade porteña desde 2005, ou seja, há 10 anos, ou seja, ela tem muuuuuuuita dica e sugestão pra dar! Além disso, ela também é dona de um hotel, que eu morro de vontade de ficar hospedada, porque é muito lindinho. O blog da Mariana é daquele de passar o dia inteiro lendo, coisa que já fiz, e tem dica pra tudo quanto é tipo e gosto e estilo de vida. Amo, amo, amo, e indico pra todo mundo que me diz que quer visitar a cidade. (o blog não anda muito atualizado porque ela teve uma filhinha há pouco tempo, mas, ainda assim, tem MUITA coisa pra ler)

Bem, passado o momento das indicações, vamos ao verdadeiro tema desse post, que é a arquitetura da cidade. Vocês sabem que será um post lotado de fotos, né? Espero que gostem!

Buenos Aires é conhecida como Paris del Plata, por causa do Rio de la Plata (informação tirada do blog OhPera Blog). Mas podia ser comparada a quase qualquer cidade da Europa (acredito eu, já que nunca viajei à Europa) por causa de sua arquitetura, é a cidade mais europeia da América do Sul com certeza! Diferente daqui do Rio, muitos prédios tem um estilo mais clássico e a conservação dos edifícios antigos de lá é muito melhor que dos daqui. De lugares turísticos, como a livraria El Ateneo, à prédio residenciais, as construções são super fofas e dá vontade de tirar foto de tudo! Claro que existem construções mais modernas. Mas tive a sensação de existirem em menor quantidade, e de estarem concentradas em algumas partes da cidade. No centro, por exemplo, é muito difícil encontrar prédios modernosos. Ah, mas pra que ficar falando tanto? Vamos às fotos!

O belíssimo Palácio Barollo visto do lado de fora.

O belíssimo Palácio Barolo visto do lado de fora, inspirado na Divina Comédia.

Vista lá de cima do Palácio Barollo. Dá pra ver todas as torres dos prédios.

Vista lá de cima do Palácio Barolo. Dá pra ver todas as torres dos prédios.

Plaza del Congreso vista de uma das torres do Palacio Barollo.

Plaza del Congreso vista de uma das torres do Palacio Barolo.

Estátua do chafariz da Plaza del Congreso, que dá pra ver bem de longe na foto anterior.

Monumento  que fica na beira do chafariz da Plaza del Congreso, que dá pra ver bem de longe na foto anterior.

Acho muito interessante como os prédios são cheios de detalhes, principalmente os mais antigos e que ficam localizados em praças. Como reparo muito em tudo e fico que nem uma panaca parada no meio da rua observando cada detalhe de cada construção, notei que no topo de vários prédios há estátuas ou afrescos ou o que quer que seja que arquitetos nomeiem esses detalhes (eu realmente não sei).

Estátuas no topo de um prédio, prestes a tocar o sino.

Estátuas no topo de um prédio, prestes a tocar o sino.

Monumento de los dos Congresos, no topo do Palácio del Congreso.

Monumento de los dos Congresos, no topo do Palácio del Congreso.

Várias estátuas na entrada no cemitério da Recoleta (medo!).

Várias estátuas na entrada no cemitério da Recoleta (medo!).

E um moinho!

E um moinho!

Mas não é só de prédios tradicionais que Buenos Aires é feita – apesar de serem meus preferidos. Também existem construções mais modernas, como eu mencionei anteriormente. Alguns exemplos são shopping centers, o Museu de Arte Latinoamericano de Buenos Aires (o MALBA), e prédios empresariais e até residenciais. O Edifício Kavanagh, que, infelizmente, não tenho foto, também é um exemplo de arquitetura moderna, e era considerado, antigamente, o maior edifício de concreto do mundo. Hoje não tem mais esse título, mas foi o primeiro arranha-céu de Buenos Aires.

Construções modernas vistas de dentro de um táxi. Essas ficam no centro.

Construções modernas vistas de dentro de um táxi. Essas ficam no centro.

O interior do Malba.

O interior do Malba.

Prédio com imagem da (acho) cantora Mercedes Sosa, que acendia à noite.

Prédio com imagem da (acho) cantora Mercedes Sosa, que acendia à noite.

Segundo a Wikipedia, “a cidade de Buenos Aires evolucionou a partir de diversas correntes imigratórias pertencentes a diferentes culturas e, em consequência, tem criado um remarcado ecletismo que se evidência em sua arquitetura”. Por isso, os variados estilos de construções, mas como a cidade teve forte presença de arquitetos franceses, italianos e alemães, as cúpulas e torres são características marcantes por fazer parte de seus estilos arquitetônicos. Não achei nada sobre influência de holandeses, mas eu poderia jurar que teve por causa desse prédio da foto abaixo!

Não tem a cara das construções holandesas?

Não tem a cara das construções holandesas?

Igreja Santo Inacio de Loyola.

Igreja Santo Inacio de Loyola.

Teatro Colón, um dos mais importantes teatros da América latina.

Teatro Colón, um dos mais importantes teatros da América latina.

Ruas do microcentro de Buenos Aires.

Ruas do microcentro de Buenos Aires.

Depois dessas inúmeras fotos, acho que já dá pra ter uma noção o quanto a arquitetura de Buenos Aires é linda, né? Essa é uma cidade para se reparar em todos detalhe, porque cada um deles conta uma história – é só procurar. Em breve, mas não tão em breve assim senão vocês enjoam, falo mais um pouquinho sobre essa cidade dona do meu pensamento e alma. E contem pra mim se gostam de posts assim e todas as suas histórias sobre suas cidades do coração!

Beijos!

_________♥_____________♡________

Segue eu!

Facebook * Twitter * Instagram * YouTube

Meus livros!

Queria Tanto (primeiro livro, publicado em 2011)

Coisas não ditas (segundo livro, baseado numa fanfic que escrevi de Mcfly, publicado em 2013)

1535031_10202135446521247_1053149576_n1

4 comentários sobre “A arquitetura de Buenos Aires

  1. Bonitas as fotos (:

    A arquitetura lembra muito também os prédios da era vitoriana que a gente encontra por Londres, apesar de ter visto também algumas referências ao gótico. Quero ver se vou para lá ano que vem com uma amiga também, segunda vez pra ela, primeira pra mim!

    beijo!

  2. Belas fotos! Todas foram feitas por você? 🙂

    Por mim você pode falar quanto quiser sobre Buenos Aires, pois eu também gostei bastante da cidade! Confesso que nem esperava tanto da viagem, mas acabei me surpreendendo e também sinto saudade!

    Beijos!

    Clá

    • Oi Cla! Eu que tirei todas as fotos sim. Pq? Com certeza os posts de Buenos Aires não vão parar por aqui. Mas vou esperar um pouco pro próximo pra não inundar o blog com Buenos – e não encher o saco da galera. Hahahaha Beijo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s